ANTES E DEPOIS DA FACHADA

Idealmente, a fachada deve ser pensada durante o projeto da casa como um todo, para que sejam feitos volumes e aberturas que fiquem bem equilibrados, em todos os lados da construção.

Porém muitas vezes não é isso que acontece, pois é comum se pensar somente na planta da casa, ou seja, na distribuição dos ambientes vistos de cima, sem considerar a volumetria externa.

antes e depois fachada - ANTES

Foi essa a situação desta casa, que estava com o projeto já aprovado na prefeitura, portanto não podia sofrer alterações significativas, mas cuja fachada não estava ainda bem resolvida. A aparência da frente da casa, com a garagem embaixo e uma janela retangular no andar de cima, parecia um grande caixote recortado.

Para solucionar esse problema, não foi preciso alterar as características da planta nem inventar muita coisa, e sim apenas deixar a forma reta, sem telhado aparente, já que os moradores queriam um visual moderno, e além disso acrescentar duas faixas de parede engrossada, formando linhas horizontais acima e abaixo da janela.

antes e depois fachada - 1

Esse detalhe, embora básico e barato, mudou toda a aparência da fachada, pois delimitou os dois andares como se fossem 2 blocos separados e tirou o aspecto de quadrado recortado da janela. Isso definiu melhor as formas, integrou os elementos e criou ainda uma sensação de horizontalidade na fachada como um todo, que reforçou o apelo moderno.

antes e depois fachada - 2

A treliça no canto, que fecha parcialmente o hall de entrada, deu um toque de leveza à fachada, com efeitos de iluminação que chamam a atenção e dão movimento, e ainda serve para fazer contraponto com a grande quantidade de madeira presente nas portas da garagem e das laterais.

Projeto: Arquiteta Fernanda DG
Veja mais antes e depois aqui.

Cursos e e-books que você pode gostar:
Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *