CASA BRASILEIRA E CASA AMERICANA – DIFERENÇAS CULTURAIS

As diferenças entre a arquitetura da casa brasileira e da casa americana vão muito além do visual. Existem hábitos e preferências distintos até entre regiões de um mesmo país, e entre países mais ainda. (Ver também: “Como os  Apartamentos Mudaram ao Longo do Tempo“).

Diferenças entre a casa brasileira e a casa americana

Deixando de lado as características específicas de cada casa, que variam bastante, existem algumas diferenças gerais entre as casas brasileiras e americanas, de acordo com os costumes de cada local. Confira algumas delas:

  • Sistema construtivo

O sistema construtivo mais tradicional das casas brasileiras é a alvenaria. O que se chama de alvenaria é a mistura de pilares e vigas de concreto com paredes de tijolo cerâmico. Embora tenha muitas falhas, esse método é visto como o mais confiável no Brasil, por uma questão de hábito. (Saiba mais sobre alternativas à construção em alvenaria).

casa americana - wood frame

Nos Estados Unidos, as casas são feitas normalmente com o sistema construtivo Wood Frame. Esse tipo de construção se baseia em uma grelha de madeira com fechamento através de tábuas, ou seja, materiais muito leves e flexíveis. Isso faz com que a casa possa sofrer uma certa movimentação sem cair, como terremotos leves por exemplo.  Isso faz com que as construções e reformas nos Estados Unidos sejam feitas em muito menos tempo, graças à leveza do material. (Saiba mais sobre o wood frame aqui).

  • Posição da lavanderia

No Brasil, a área de serviço costuma ficar ao lado da cozinha, em apartamentos, ou então na parte externa da casa. Se alguém propuser a um brasileiro que a lavanderia fique ao lado dos quartos a reação provavelmente será de estranheza ou rejeição total. O motivo apontado por algumas pessoas é que o barulho da máquina pode atrapalhar o descanso nos quartos. Mas o que realmente criou o hábito de deixar a lavanderia nos fundos da casa ou ao lado da cozinha foi a visão da lavanderia e da cozinha como locais “de serviço”. No Brasil é mais comum a separação entre espaços sociais e espaços de serviço, assim como é mais frequente a contratação de profissionais para a realização desses serviços.

casa americana - lavanderia embutida no armárioImagem: Hush Home

Já nos Estados Unidos, o que é estranho é deixar a lavanderia perto da cozinha. Ela é vista como o local de guardar roupa suja, e portanto seria anti-higiênico deixá-las próximas do local onde se faz comida. A área de serviço costuma ficar então perto do hall de entrada ou então na área dos quartos. Uma vantagem dessa posição é que fica mais fácil levar as roupas até a lavanderia. E como essa tarefa costuma ser realizada praticamente sempre pelos moradores, e não por uma pessoa contratada, a prioridade é a praticidade. (Ver também: “Como Fazer Lavanderias Embutidas no Armário“).

  • Tamanho do quintal

Basta assistir a programas de televisão que mostram americanos visitando casas para comprar que fica clara a falta de quintal das casas brasileiras. Um quintal médio para nós é visto como muito pequeno por eles. O quintal pequeno do Brasil, com menos de 9 metros quadrados, por exemplo, é só uma varanda nos Estados Unidos.

casa americana - quintal

Isso acontece principalmente pela grande quantidade de casas de subúrbio existentes nos Estados Unidos. O subúrbio de lá é bem diferente do subúrbio do Brasil. Lá essa área periférica da cidade é ocupada por casas de família em bolsões residenciais muito arborizados e agradáveis. E com quintais bastante avantajados, se comparados com o padrão brasileiro.

  • Cozinhas abertas ou fechadas

Não é à toa que a cozinha aberta para a sala é chamada de “cozinha americana”. Essa ideia chegou ao Brasil como algo que era feito nos Estados Unidos, e começou a fazer sucesso por aqui. Mesmo assim, o conceito aberto é ainda mais popular para os americanos, fazendo até com que as casas sejam valorizadas financeiramente quando têm a cozinha integrada com a sala.

casa americana - cozinha americana

  • Preocupação com o hall de entrada

A maior parte das casas no Brasil não possui hall de entrada. E quando ele existe, na maior parte das vezes tem apenas um aparador e um espelho, por exemplo. Nos Estados Unidos a entrada da casa é um local muito importante. Muitas das entradas de casas americanas têm vários armários e cabideiros para guardar bolsas e casacos logo ao entrar. Outras contam também com grandes escadas de acesso ao segundo andar no hall, que fica muitas vezes separado dos outros ambientes.

casa americana - hall de entrada

Cursos e e-books que você pode gostar:
Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *