QUARTO INFANTIL TRANSFORMÁVEL

O projeto deste quarto infantil, inicialmente para apenas uma menina, levou em conta a necessidade de adaptação e transformação do quarto não só para abrigar um segundo filho, mas também para as fases posteriores, com as duas crianças mais crescidas, sem grandes revoluções.

QUARTO INFANTIL 01PRIMEIRA FASE – Somente um berço.

Na primeira fase, o quarto abriga um berço, um trocador, uma poltrona e um armário alto dividido em três partes, sendo a parte mais alta um módulo solto.

QUARTO INFANTIL 02PRIMEIRA FASE – Somente um berço.

Nas fases seguintes, o berço se transforma em mini-cama, e depois volta a ser berço novamente, para o segundo bebê, quando é acrescentada uma outra mini-cama no lugar onde ficava a poltrona.

QUARTO INFANTIL 03SEGUNDA FASE – Uma mini-cama + 1 berço ou mini-cama.

Mas a grande transformação acontece mesmo quando o quarto deixa de ser quarto de bebê e vira quarto de duas crianças um pouco maiores. Nessa situação aquele último módulo do armário, que era solto, vai para onde ficava o berço, e sobre ele é montado um armário que vai até o teto.

QUARTO INFANTIL 04SEGUNDA FASE – Uma mini-cama + 1 berço ou mini-cama.

Perto da janela, onde ficava a mini-cama, é feita uma cama com a base que pode ser usada como armário. Assim o quarto consegue suprir a função de armazenagem para duas crianças confortavelmente, mesmo no espaço reduzido. E na parte do alto, de onde saiu o armário solto, é criada uma segunda cama, fechada na lateral para parecer uma casinha e ao mesmo tempo garantir a segurança.

O trocador se transforma em bancada de estudos através da simples retirada de uma peça que ficava encaixada sobre a mesa, como uma espécie de caixote solto. Esse caixote servia para deixar o trocador mais alto e mais profundo do que a bancada, permitindo que o bebê ficasse deitado de frente, de maneira confortável para ser trocado.

QUARTO INFANTIL 05TERCEIRA FASE – Duas camas de solteiro.

O quarto tem, desde o começo, iluminação embutida em duas paredes opostas, sendo uma na cabeceira do berço e outra sobre a poltrona, criando um efeito de iluminação suave, ideal para um quarto de bebê.

QUARTO INFANTIL 06TERCEIRA FASE – Duas camas de solteiro.

Na última fase, quando as camas maiores são colocadas, esses mesmos pontos são mantidos, evitando quebradeiras e gastos desnecessários, e a luz que servia para iluminar o berço agora fica embutida dentro do armário e serve para iluminar a bancada, através de um simples rasgo lateral no móvel.

Projeto: Arquiteta Fernanda DG
Veja mais projetos de quarto.

Cursos e e-books que você pode gostar:
Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *