COMO EVITAR O DESPERDÍCIO NA OBRA

Tanto em reformas quanto em construções a partir do terreno, existem alguns cuidados que podem ser tomados para evitar o desperdício de materiais.

O desperdício gera aumento de gastos, pois a quantidade de materiais a ser comprada acaba sendo maior. E também prejudica o meio ambiente, ao gerar mais entulho. Portanto confira algumas dicas para que ele seja reduzido:

  • Prefira sistemas construtivos sem desperdício de materiais

As construções não precisam ser feitas necessariamente em alvenaria. Existem vários outros sistemas construtivos no mercado, e muitos deles evitam o desperdício. Normalmente isso acontece pela ausência de pilares e vigas, que exigem moldes que são jogados fora após a obra, e também por não ser necessário quebrar as paredes para passar as tubulações. Saiba mais em “Alternativas à Construção em Alvenaria Convencional“.

  • Tenha um projeto bem feito

como evitar desperdício na obra

O  projeto de arquitetura é essencial para evitar desperdícios na obra. Construções sem projeto normalmente geram mais erros na hora de executar, exigindo que ela seja refeita. Isso gasta muito mais material do que se tudo tivesse sido feito apenas uma vez. E o planejamento favorece que isso aconteça, pois reduz a quantidade de imprevistos. (Veja também: “Por Que Obra Sem Projeto Fica Mais Cara“).

  • Faça um orçamento detalhado

Com o projeto em mãos, é possível fazer o cálculo de todo o material necessário na obra. Assim a compra dos materiais é feita com precisão, e não sobra material desperdiçado.

  • Contrate mão-de-obra especializada

Mão-de-obra barata ou sem os conhecimentos necessários no sistema a ser utilizado pode sair cara, e gerar muitos desperdícios. Isso porque o profissional pode cometer muitos erros, exigindo que algumas etapas precisem ser refeitas, ou então ele pode simplesmente gastar material demais sem necessidade.

  • Opte por materiais de melhor qualidade

Da mesma forma que acontece com a mão-de-obra, os materiais de má-qualidade podem ser um mau investimento. A princípio eles parecem gerar economia, mas por renderem menos eles acabam tendo que ser adquiridos em maior quantidade. E eles também podem gerar desperdício se tiverem resistência baixa, o que fará com que eles se quebrem com mais facilidade, e sejam então jogados no lixo.

  • Tenha cuidado no transporte e armazenamento de materiais

A quebra de materiais também pode acontecer durante o transporte dos materiais. Por isso é importante tomar cuidado na hora de manuseá-los, evitando o uso de carrinhos arredondados para transportar blocos retos, por exemplo, pois isso pode quebrar suas quinas. E é interessante também que os materiais fiquem armazenados perto do local onde serão utilizados, para que o deslocamento seja mais fácil e envolva menos riscos.

Cursos e e-books que você pode gostar:
Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *