QUAIS TREPADEIRAS USAR EM MUROS, CERCAS E PERGOLADOS

Cobrir paredes, pergolados e outras superfícies com trepadeiras é uma ótima forma de criar um jardim sem usar espaço de circulação.

Assim como os jardins verticais, elas podem cobrir muros, paredes e cercas, deixando os ambientes mais verdes sem ocupar espaço. E as vantagens de ter vegetação em casa são grandes, pois elas purificam o ar e geram sensação de bem estar.

Além disso, quando usadas em pergolados, como cobertura, elas fornecem sombra natura.

Para crescerem na direção certa, as trepadeiras precisam ser direcionadas com fios de nylon. Basta colocar os fios nos locais onde se quer que elas cresçam, e eelas vão se apoiando e enroscando neles conforme vão crescendo.

Tipos de trepadeiras para muros e pergolados

Veja então vários exemplos de espécies de plantas trepadeiras que podem ser usadas em paredes, muros, cercas, treliças ou pergolados:

Flor de cera (Hoya carnosa)

A flor de cera é uma trepadeira fácil de manter, mas ela precisa de alguns cuidados em relação ao local onde será colocada. Isso porque ela não gosta de correntes de ar nem de luz solar direta. Mas ao mesmo tempo ela precisa de luminosidade. Então o ideal é que ela fique à meia sombra, ou em local com iluminação indireta (Bem claro mas sem incidência direta da luz do sol). Ela floresce na primavera, formando buquês de pequenas flores. Floresce na primavera.

Glicínia (Wisteria sp)

A glicínia costuma crescer lentamente, mas pode durar até 100 anos e cresce mais intensamente em regiões de clima frio. Ela escala portões, arcos e pérgolas, que precisam ser fortes para que ela não as quebre. Além disso, precisa de sol pleno, regas regulares, adubação e podas anuais.

Jade ( Strongylodon macrobotrys )

A jade é uma planta que gosta de umidade e calor, portanto é ideal para cidades de praia.Ela floresce na primavera e no verão, e suas flores, em forma de garra invertida, são grandes e chamativas, em várias cores diferentes. Esse tipo de trepadeira pode ficar em sol pleno ou à meia sombra, e precisa de podas para contenção e renovação da folhagem. Além disso, cresce rápido em estruturas resistentes.

Jasmim dos Poetas (Jasminum polyanthum)

A flor do jasmim dos poetas é perfumada e nasce no outono e no inverno. É uma planta que precisa de sol pleno, mas se adapta melhor a climas amenos, nem muito quentes nem muito frios. Além disso, precisa de podas anuais, e também de regas regulares.

Primavera (Bougainvillea spectabilis)

A trepadeira primavera é ideal para regiões frias, pois suporta bem baixas temperaturas, inclusive geadas. Por isso pode ser usada em locais de grande altitude, como serras. Mesmo assim o ideal é que elas recebam sol direto, além da poda anual. Ela cresce bem e floresce entre setembro e dezembro.

Sete léguas (Podranea Ricasoliana)

A trepadeira sete léguas floresce o ano inteiro, e tem flores delicadas e perfumadas. Seus ramos atingem até 10 metros de comprimento, com crescimento rápido. Por isso ela precisa de podas anuais, geralmente feitas no inverno. E também se adapta bem a cidades praianas.

Tumbérgia (Thunbergia grandiflora)

A tumbérgia gosta de sol pleno e precisa ser regada regularmente. Fora isso, requer poucos cuidados. Ela cresce rapidamente e floresce principalmente na primavera e no verão.

Videira (Vitis vinifera)

A parreira cresce rápido, e após 2 a 4 anos começa a dar frutos, que no caso são uvas. Depois da fase de colheita, ela perde as folhas por um tempo, e parece estar morta. A parreira precisa de sol pleno e de uma estrutura resistente para crescer. Outra informação importante é que ela não gosta de ventos muito fortes.

Cursos e e-books que você pode gostar:

Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *